Adecom Jurere Org Brasil

Horta Comunitária da ADECOM-Jurerê

23

Dec 16

0

Horta Comunitária da ADECOM-Jurerê

A idéia de uma horta comunitária na área de abrangência da ADECOM-Jurerê surgiu nos preparativos da Semana do Lixo Zero 2015.

O mote era compostar resíduos orgânicos e com o adubo resultante obter de uma horta de produtos orgânicos.

Foi-se ao encontro de Edmundo Bastos Júnior, que era proprietário de um terreno disponível na Rua Professor Renato Barbosa. André Xavier Alves, da OAB Cidadã e da Advocacia Sustentável, elaborou Termo de Cessão Não Onerosa De Uso do Imóvel – Horta Comunitária. Dia 05/04/2016, Professor Edmundo e Otávio Ferrari assinaram o Termo e André Alves como testemunha.

2016 04 19 Termo de Cessão

O primeiro aproveitamento do terreno foi com a plantação de batata doce, dezembro de 2015, pelo associado Artur Rodrigues. A primeira colheita aconteceu em julho de 2016. Nova semeadura já foi realizada.2015-12-20 Batatas S Maria2016 07 11 Coleita batatas

Em junho, foi solicitado pedido de instalação predial de água à CASAN. Solicitado, também, redução de tarifa pública especial para serviços de coleta e tratamento de esgoto sanitário.2016 07 12 Instalação água

Água foi ligada em setembro. ADECOM-Jurerê efetivou pagamento de tarifas em novembro e dezembro de 2016, sem cobrança de serviços de esgoto sanitário.

As fotos abaixo mostram na sequência: divisão dos lotes, forro dos lotes com papelão, semeadura suspensa, colocação de barro sobre papelão

 

2016 08 06 Lotes2016 08 06 Parte suspensa2016-08-13 barro nos lotes

As fotos mostram colocação de adubos nos lotes, semeadura, identificação do que foi plantado.

2016-08-13 composto nos lotes2016-08-28 semeando2016-09-10 avanço

 

Práticas da Horta Comunitária

2016-08-09 17.16.26.jpg

  1. O terreno dedicado ao Projeto Horta Comunitária da ADECOM-Jurerê dispõe de:

    • 21 lotes

    • área para plantas como milho, aipim, batata, tomate.

    • cavaletes altos para colocação de garrafas pet como morango.

    • cavaletes mais baixos para caixas de isopor com sementeiras.

    • área de convivência.

  2. Cada associado pleiteia um lote.

  3. Havendo disponibilidade de lotes, um associado poderá pleitear mais de um lote.

  4. Havendo mais de um candidato a um mesmo lote, será feito um sorteio.

  5. Os aderentes ao Projeto farão parte de um Grupo de WhatsApp.

  6. Os aderentes ao Projeto devem comunicar aos demais aderentes o que plantaram ou irão plantar, para evitar repetição demasiada de uma mesma planta.

  7. Os aderentes ao Projeto cuidarão da limpeza do mato ao redor de seu lote. As despesas do dia a dia serão rateadas entre os aderentes.

  8. Os aderentes colocarão os resíduos comum e reciclável em embalagens apropriadas. Serão depositadas a frente do terreno nos dias de recolhimento estabelecidos pela COMCAP.

  9. Os aderentes colocarão os resíduos orgânicos em embalagens apropriadas. Serão depositadas a frente do terreno nos dias de recolhimento estabelecidos pela Procomposto. Em contrapartida, esta fornecerá adubo a preços diferenciados para aderentes ao projeto. a Procomposto, também, prestará orientações sobre o melhor funcionamento da Horta Comunitária, como por exemplo, procedimentos para minimizar a proliferação de caramujos africanos.

  10. Os aderentes estabeleceram uma escala semanal para regar toda horta no final das tardes, quando não chove. Cópia de IMG_4286.JPG

  11. Sementes doadas estão sendo semeadas em caixa de isopor. Os aderentes, quando for oportuno, podem promover a transposição para seus lotes.

  12. Temporariamente, a ADECOM-Jurerê investiu em:

    • limpeza do terreno

    • pedido de água à CASAN.

    • instalação de cavalete para água.

    • contratação de servente para delimitação de lotes com madeira, obtida graciosamente.

    • compra de barro para encher parcialmente os lotes.

    • compra de adubo da Procomposto para 7 lotes.

    • colocação de grades para dificultar acesso de cachorros.

    • Os aderentes ao Projeto foram solicitados pela ADECOM-Jurerê a ressarcir os investimentos realizados.

  13. A Horta Comunitária recebeu as seguintes doações:

    • portão de acesso pela Rua Professor Renato Barbosa.

    • Limpeza mensal do terreno.

    • placas de identificação e orientação.

    • Cópia de 2016-11-11 07.23.57.jpg

    • caixa de correio – Amilton

    • limpeza do terreno pelos estudantes Ruany Dollar e Lucas Moraes.

    • 2016-12-18 08.32.25.jpgCópia de 2016-11-02 09.24.00.jpg

 

Agradecimentos

Alguns lotes estão tendo bons resultados com seu trabalho. Ora para consumo próprio, ora para troca com os demais aderentes. Tudo isso tem proporcionado um espírito fraterno entre associados e moradores do bairro.

Agradecimentos às doações dos associados: Carlos Roberto Buchele, Hans Werner Hackradt, Irene de Souza, Nestor Fetter, Sr. Vapor e a todos aqueles que contribuiram anonimamente.